Biografia Dave Mustaine

20 posts / 0 new
Último post
Leão da Barra
Foto de Leão da Barra
Biografia Dave Mustaine

Quem acompanha a cena metal está acostumado a ver Dave Mustaine descrito como um cretino egomaníaco, arrogante e rancoroso. Nessa biografia, ele mostra a sua versão de algumas das histórias que geraram essa fama, deixando a cargo do leitor tirar suas próprias conclusões sobre o caráter do vocalista/guitarrista do Megadeth.
É um livro bem franco, que não tenta esconder a verdade nem dourar a pílula: seu rancor com o Metallica (especialmente Lars Ulrich, descrito como "maquiavélico"), seus problemas com drogas, os inúmeros músicos que foram sumariamente demitidos do Megadeth ao longo dos anos, tudo é revelado sem meias palavras. 
Se, por um lado, em vários momentos nós vemos que Mustaine é, de fato, difícil de lidar, em outros tantos vemos que ele tem seus motivos para agir do jeito que agiu (e age). 
Destaque especial para as passagens que envolvem o Metallica: em nenhum momento Mustaine tenta esconder o rancor, a inveja e o desejo de "vingança" que o fez criar o Megadeth e motivou muitas das suas ações ao longo dos anos. Ele não tem, por exemplo, nenhum problema em confessar que sua raiva do Metallica deriva do simples fato de que ele queria muito estar ali, fazendo parte daquilo tudo.
Ademais, fazendo jus à sua fama, Mustaine não tem papas na língua e não tem medo de criticar seus -- muitos -- desafetos, tornando o livro muito mais agradável de ler do que algumas biografias "pasteurizadas" que vemos por aí, nas quais o autor parece ter medo de desagradar uns e outros.
Para finalizar, repito: é um livro franco, no qual podemos ver o frontman do Megadeth como ele realmente é: ora fazendo jus à sua má fama, ora se mostrando um esposo amoroso, um amigo incondicional e um homem de negócios implacável.

--------

Falta de Esculhambação

 

Ray J
Foto de Ray J

Engraçado que todo mundo odeia o Lars Ulrich. Lembro de uma entrevista onde o Matt Damon (Ou Ben Afleck, não lembro) detonava o cara.

Saudações
Ray Jackson

Leão da Barra
Foto de Leão da Barra

Ray J wrote:

Engraçado que todo mundo odeia o Lars Ulrich. Lembro de uma entrevista onde o Matt Damon (Ou Ben Afleck, não lembro) detonava o cara.

Pois é, o cara parece ser meio mala mesmo. No livro ele é retratado como um grande filho da puta.

Engraçado que o cara não é simpático, parece um duende e nem é um bom baterista. Como diabos ele chegou onde chegou?

--------

Falta de Esculhambação

 

Guybrush Threepwood
Foto de Guybrush Threepwood

Eu sou um dos que odeia o Ulrich. Ele é um babaca de marca maior. Lembro da campanha escrota que ele fez contra o Napster, tinha até um comercial que ele entrava na casa de um zé mané que tava baixando música do Metallica e catava o computador do cara, televisão etc falando que o cara tava fazendo o mesmo quando baixava uma música do Metallica. Tomar no cu. Desse dia em diante, fiz questão de nunca mais comprar nada do Metallica. Agora eu baixo tudo e distribuo para os outros.

Quanto ao Megadeth... sei lá. Curto algumas músicas, mas sempre achei uma banda menor no cenário thrash metal da década de 80. Prefiro muito mais o próprio Metallica daquela época, o Motörhead, o Pantera, o Slayer...

Ray J
Foto de Ray J

Esse tipo de som nunca foi minha praia, embora adore Cemetary Gate do Pantera. Puta riff legal.

Saudações
Ray Jackson

Dré
Foto de Dré

Esse livro eu compro, deve ser tão legal quanto a biografia do Ozzy. Eu acho o Dave Mustaine um dos caras mais interessantes do rock. Não lembro exatamente o que houve, mas ele teve uma série de incidentes no começo dos anos 00 ( machucou o braço, ficando um tempo sem tocar, depois descobriu uma doença grave e encontrou a religião, não sei se nessa ordem ) e teve uma epifânia: passou de um total filho da puta arrogante pra um gentleman inteligentíssimo.

Por isso mesmo, seja na época em que ele era fdp - quando ele xingava tudo quanto era banda ( e vice-versa ) e ninguém estava ao nível dele ou do Megadeth - ou quando ele mudou de persona, eu sempre adorei ler as entrevistas do cara, sempre muito divertidas.

Quanto ao Megadeth, meu problema sempre foi com a voz do próprio Mustaine, que era irritante. Mas os caras faziam bons discos, não dá pra negar... eles, ao meu ver, conseguiram sair da sombra do Metallica fazendo um som bem próprio. Aliás, justamente ao contrário do Metallica, acho que os caras tiveram um salto de qualidade quando deixaram o trash metal de lado e fizeram discos mais populares - Countdown To Extinction e Youthanasia são excelentes.

Mas dessas bandas clássicas, apesar do Metallica, Slayer, Testament, Exodus e outros terem feito discos clássicos, minha banda favorita sempre foi o Anthrax, de longe os caras mais criativos do trash metal.

Sobre o Lars Ulrich, assino embaixo de tudo que o GT escreveu.

EDIT: Já que citaram o Pantera ( que considero de uma geração posterior ao Megadeth e cia ) reforço o coro: banda muito foda.

Ray J
Foto de Ray J

Dré wrote:

Mas dessas bandas clássicas, apesar do Metallica, Slayer, Testament, Exodus e outros terem feito discos clássicos, minha banda favorita sempre foi o Anthrax, de longe os caras mais criativos do trash metal.

Quanto ao Lars Ulrich, assino embaixo do que o GT escreveu.

Lembrei de uma do Anthrax. "Only". Caramba, será que eu gosto de trash e não sabia?

Saudações
Ray Jackson

Dré
Foto de Dré

Ray J wrote:

Dré wrote:

Mas dessas bandas clássicas, apesar do Metallica, Slayer, Testament, Exodus e outros terem feito discos clássicos, minha banda favorita sempre foi o Anthrax, de longe os caras mais criativos do trash metal.

Quanto ao Lars Ulrich, assino embaixo do que o GT escreveu.

Lembrei de uma do Anthrax. "Only". Caramba, será que eu gosto de trash e não sabia?

Se você gosta de "Only", procura o disco Sound of White Noise dos caras, que é impecável. Mas nessa fase eles já não eram trash e estavam com um som mais acessível, seguindo o caminho do Metallica e seu Black Album.

Leão da Barra
Foto de Leão da Barra

Dré wrote:

Esse livro eu compro, deve ser tão legal quanto a biografia do Ozzy. Eu acho o Dave Mustaine um dos caras mais interessantes do rock. Não lembro exatamente o que houve, mas ele teve uma série de incidentes no começo dos anos 00 ( machucou o braço, ficando um tempo sem tocar, depois descobriu uma doença grave e encontrou a religião, não sei se nessa ordem ) e teve uma epifânia: passou de um total filho da puta arrogante pra um gentleman inteligentíssimo.

Pois é, na época disseram que esse problema no braço era definitivo, ele nunca mais voltaria a tocar.

Essa biografia é muito interessante, vale mesmo a leitura. Ele fala das vezes que se internou em clínicas de reabilitação (e o quanto isso é inútil se a pessoa realmente não está comprometida em largar o vício), da infância problemática (muitas mudanças, família testemunha de jeová etc.) e dos muitos desafetos.

Uma parte interessante é quando ele confessa que o sucesso Black Album do Metallica o deixou cheio de ciúmes, motivando-o a fazer concessões que normalmente não faria (como deixar o som do Megadeth mais leve, cortar o cabelo etc.).

Guybrush Threepwood wrote:

Quanto ao Megadeth... sei lá. Curto algumas músicas, mas sempre achei uma banda menor no cenário thrash metal da década de 80. Prefiro muito mais o próprio Metallica daquela época, o Motörhead, o Pantera, o Slayer...

Dré wrote:

Quanto ao Megadeth, meu problema sempre foi com a voz do próprio Mustaine, que era irritante. Mas os caras faziam bons discos, não dá pra negar... eles, ao meu ver, conseguiram sair da sombra do Metallica fazendo um som bem próprio. Aliás, justamente ao contrário do Metallica, acho que os caras tiveram um salto de qualidade quando deixaram o trash metal de lado e fizeram discos mais populares - Countdown To Extinction e Youthanasia são excelentes.

Mas dessas bandas clássicas, apesar do Metallica, Slayer, Testament, Exodus e outros terem feito discos clássicos, minha banda favorita sempre foi o Anthrax, de longe os caras mais criativos do trash metal.

A voz dele demora um pouco para se acostumar mesmo, mas acho Megadeth a melhor banda de thrash de todos os tempos. Gosto muito dos discos que você mencionou, mas Rust in Peace, que é anterior a essa fase, é um dos melhores albuns que eu já ouvi, praticamente não tem música ruim ali.

--------

Falta de Esculhambação

 

Guybrush Threepwood
Foto de Guybrush Threepwood

Os melhores discos de thrash metal pra mim: Kill'Em All, do Metallica; Reign in Blood, do Slayer; e Beneath the Remains, do Sepultura.

Dré
Foto de Dré

Leão da Barra wrote:

Uma parte interessante é quando ele confessa que o sucesso Black Album do Metallica o deixou cheio de ciúmes, motivando-o a fazer concessões que normalmente não faria (como deixar o som do Megadeth mais leve, cortar o cabelo etc.).

Mas até hoje ele é amargurado por ter sido expulso do Metallica, mas evita falar disso. Você assistiu aquele documentário da banda, Some Kind of Monster? Eu não vi, mas dizem que ali os caras lavaram a roupa suja de vez.

Leão da Barra
Foto de Leão da Barra

Dré wrote:

Mas até hoje ele é amargurado por ter sido expulso do Metallica, mas evita falar disso. Você assistiu aquele documentário da banda, Some Kind of Monster? Eu não vi, mas dizem que ali os caras lavaram a roupa suja de vez.

Pois é, no livro ele não evita falar não. Confessa mesmo, numa boa, que não quis participar de uma homenagem que o Metallica recebeu simplesmente porque ele achava que também deveria ser homenageado.

Não vi esse documentário, foi até bom você lembrar, vou procurar. Ele também é mencionado no livro (que critica a forma como foi feita a edição).

Além de Lars Ulrich, ele também cai de pau em Kirk Hammett, que só teria ficado famoso graças aos riffs criados pelo próprio Mustaine (que depois se vingou traçando a namorada dele).

--------

Falta de Esculhambação

 

Dré
Foto de Dré

Leão da Barra wrote:
Pois é, no livro ele não evita falar não. Confessa mesmo, numa boa, que não quis participar de uma homenagem que o Metallica recebeu simplesmente porque ele achava que também deveria ser homenageado.

É, eu quis dizer que ele não fala mais sobre o Metallica em entrevistas... principalmente, depois do tal documentário.

Quanto aos discos, esses aqui são meus favoritos:

Anthrax - Among The Living
Pantera – Vulgar Display Of Power
Fear Factory - Demanufacture
Suicidal Tendencies - Lights Camera Revolution
Machine Head - Burn My Eyes
Sepultura – Arise
Anthrax – Spreading The Disease
Slayer - Reign In Blood
Metallica - Master of Puppets
Slayer – Seasons In The Abyss
Megadeth – Countdown To Extinction
IOWA – Slipknot

Guybrush Threepwood
Foto de Guybrush Threepwood

Slipknot?

agraciotti
Foto de agraciotti

Guybrush Threepwood wrote:

Slipknot?

Eu acho o Vol 3 - Subliminal Verses do Slipknot um dos melhores discos de metal da década (é o disco q os fãs deles odeiam pq acusam deles terem "amansado", pq é cheio de melodias bonitas e tem até baladas no violão).

Mas essa é a opinião de quem sempre foi mais ligado ao alternativo do que o hard rock, não gosta de nenhuma banda das q vcs citaram aí e não dá a mínima pra história do Dave Mustaine

 

--------------------------------------

https://soundcloud.com/cellardoorbr

Livia
Foto de Livia

 

sem brincadeira, essa é uma das melhores musicas de hardrock de todos os tempos

a voz do mustaine não é nenhuma maravilha, mas ele consegue superar isso com boas composições

Fora que tem que ser muito foda pra pegar uma banda como o megadeth, transformar numa banda cristã e continuar fazendo boa musica, sem perder o peso.

eu eu voto com quem disse que pantera é demais

:)

o riff de cemitery gates foi toque do meu celular por uns bons anos, embora do cowboys from hell minha preferida seja domination

Sempre gostei de rock pesado, embora tenha uma quedinha mais pelo melódico

falando em melódico, vocês precisam escutar tarot, é sensacional, e nem é melódico, só lembrei pq o vocalista do tarot é baixista do nightwish nas horas vagas

 

 

_ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _

And then there was silence...

Guybrush Threepwood
Foto de Guybrush Threepwood

agraciotti wrote:

Eu acho o Vol 3 - Subliminal Verses do Slipknot um dos melhores discos de metal da década (é o disco q os fãs deles odeiam pq acusam deles terem "amansado", pq é cheio de melodias bonitas e tem até baladas no violão).

Mas essa é a opinião de quem sempre foi mais ligado ao alternativo do que o hard rock, não gosta de nenhuma banda das q vcs citaram aí e não dá a mínima pra história do Dave Mustaine

Não é isso, eu gosto de Slipknot. E concordo que o Iowa é o melhor disco deles. Só não colocaria junto a disco de thrash metal...

Leão da Barra
Foto de Leão da Barra

Guybrush Threepwood wrote:

Não é isso, eu gosto de Slipknot. E concordo que o Iowa é o melhor disco deles. Só não colocaria junto a disco de thrash metal...

Fear Factory também não. Aliás, eu até pensei que era uma lista "metal pesado", não de thrash metal.

Estou desde ontem empacado tentando fazer, sem sucesso, meu próprio top10.

--------

Falta de Esculhambação

 

Dré
Foto de Dré

Leão da Barra wrote:
Fear Factory também não. Aliás, eu até pensei que era uma lista "metal pesado", não de thrash metal.

Ah, sei lá... é uma lista de discos de trash, eu acho. Tudo bem que Slipknot e Fear Factory não são considerados nesse tipo de som, mas esses dois discos citados são bem próximos disso e excelentes. Às vezes, por causa da experimentação de sons, nem acho o Anthrax uma banda de trash...

agraciotti wrote:
Eu acho o Vol 3 - Subliminal Verses do Slipknot um dos melhores discos de metal da década (é o disco q os fãs deles odeiam pq acusam deles terem "amansado", pq é cheio de melodias bonitas e tem até baladas no violão).

Também acho esse disco sensacional, além de extremamente bem produzido.

Leão da Barra
Foto de Leão da Barra

No fim das contas, acho que, da sua lista, só concordo mesmo com Vulgar Display of Power e Among the Living. Talvez Arise.

E acho que qualquer lista de discos Thrash tem que obrigatoriamente conter Rust in Peace do Megadeth e ...And Justice For All do Metallica. Se não me engano, tem até uma Súmula do STJ dizendo isso.

--------

Falta de Esculhambação