Godzilla 2014

23 posts / 0 new
Último post
Dré
Foto de Dré
Godzilla 2014

Tava curioso pra assistir esse filme, ainda mais depois de ver que a divulgação dele nos EUA tava bem, mas beeeem maior que a do último Homem Aranha... até ver a resenha do mestre-mór, que chamou o negócio de "abominação" pra baixo. Agora fiquei mais interessado ainda!

Tomara que seja melhor que aquela besteira do Círculo de Fogo, mas se tiver num nível meio Cloverfield tá bom. Pena que já estão entregando que o monstrão vai ser meio bonzinho.

agraciotti
Foto de agraciotti

"Besteira do Círculo de Fogo"?

Pacific Rim é o filme de uma geração. Apenas isso q te digo.

To de mal até vc assistir de novo e reconhecer isso.

 

E esse texto do REF é tão ruim q é até bom. Gzuis....

Esse Godzilla parece ruim mesmo, mas eu já falei q só boto fé pq eu ADOREI o Monsters, filme de estréia dele. Mas q dá preguiça, dá...

 

 

--------------------------------------

https://soundcloud.com/cellardoorbr

XIII
Foto de XIII

Olha só, alguém que concorda comigo sobre o hilário Pacific Rim! Boa Dré.

Livia
Foto de Livia

Só isso aqui já vale o textp

"Foi produzido pela Legendary a firma que fez 300, Circulo de Fogo, Homem de Aço, a serie Se Beber não Case, Jack Caçador de Gigantes, Fúria de Titãs II, Sucker Punch, ou seja, já cometeu muitos crimes em sua existência."

 

_ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _

And then there was silence...

Dré
Foto de Dré

agraciotti wrote:
Pacific Rim é o filme de uma geração. Apenas isso q te digo.

To de mal até vc assistir de novo e reconhecer isso.

Coitada desta geração, porque aquilo não passa de um Jaspion caro, muito caro.

Mas preciso mesmo ver de novo, porque a sessão que assisti foi uma bosta - acho que o povo se ligou que o filme era uma palhaçada e desatou a conversar, rir, ver telefone, mexer no saco de pipoca e por aí vai.

Fica de mal não, dá o dedinho aqui, vai.

Castrezana
Foto de Castrezana

Godzilla é um filme vazio. A história furada está lá, os motivos furados do Godzilla estão lá, o próprio Godzilla está lá. Mas quando o filme acaba a sensação que fica é a mesma de um menino etíope depois do almoço.

Uma continuação do devagar muito devagar quase parando parou Monstros, com mais dinheiro.

--
Rodolfo Castrezana
Nerd Rabugento

XIII
Foto de XIII

Vi na estréia e aprovei, andei lendo reclamações do pessoal do Judão que o monstrengo aparece pouco e realmente, aparece menos do que o de 98 por exemplo mas é proposital. Usam o Gojira pra atiçar o espectador por 2/3 do filme daí soltam o trem descarrilhado e o bixo pega, com direito a jato de plasma e tudo.

O Heisenberg só fica 1/3 em tela e rouba a cena, já que o filho dele tem cara de agraciotti... poeta do sentimento chorão!

O bixano tá bem feito, visual leal aos clássicos onde ele parece um dinossauro bombado. O 3D é completamente desnecessário, se puderem evitem. Achei até que ficou escuro demais, saindo o Blu Ray vou conferir novamente e tenho certeza que vou gostar ainda mais.

Nota: 8.

quase nada
Foto de quase nada

Monstros é uma espécie de tortura peniana, se esse filme for tão chato quanto é melhor economizar e deixar pra assistir no dia da sessão miséria.

Mas uma coisa que me deixa realmente intrigado é quanto o Castrenaza se parece com um dos filhos da Maria Gabriela (esse que ta no Aprendiz Celebrity).

Clique aqui somente se vc tem Deus no coração:

Spoiler: Highlight to view

 

 

 

Dré
Foto de Dré

Esse é o Slothiozinho ou o filho da Gabriela? E se for esse último, é o mesmo que namorava o Reinaldo Gianecchini ( enquanto a Gabi segurava vela )?

quase nada
Foto de quase nada

Que babado é esse que eu não to sabendo? Esse é o filho velho. 

Dré
Foto de Dré

Ué, mas todo mundo sabe que o namoro da Gabi com o Gianecchini era fake - na verdade, ele namorava um dos filhos dela e usavam esse relacionamento de fachada pra disfarçar. O Gianecchini pra falar que pegava uma famosa inteligentona e a Gabi pra falar que pegava um galã jovem. Fofoca velha.

Odnanref
Foto de Odnanref

CARALHO!!!! Cura o câncer!!!!

______

Se eu copio um autor, é plágio. Se copio vários, é pesquisa.

uplan
Foto de uplan

Circulo de Fogo foi um fiasco e o enfoque era nos monstros e robôs, Heizentzilla foi um estrondo e os bixos quase não aparecem, será que os gringos se esqueceram de como se aprecia a arte de ver 2 sujeitos com fantasias com zíper tretando numa maquete ou so por causa do sentimentalismo forçado e do romance piegas dos gêmeos Maximoff?

___________________________________________________________________________

não existe certo ou errado 

so existe o que você faz

agraciotti
Foto de agraciotti

uplan wrote:

Circulo de Fogo foi um fiasco e o enfoque era nos monstros e robôs, Heizentzilla foi um estrondo e os bixos quase não aparecem, será que os gringos se esqueceram de como se aprecia a arte de ver 2 sujeitos com fantasias com zíper tretando numa maquete ou so por causa do sentimentalismo forçado e do romance piegas dos gêmeos Maximoff?

Foi um fiasco pq nao tinha atores famosos e pq a maioria foi INCAPAZ de sacar e apreciar as ironias, o sarcasmo, as homenagens, o humor, o sentimentalismo nostálgico e tudo o q o filme realmente é sobre. Fico puto toda vez q ouço alguem falar mal. Aquilo é o coração da infância masculina, do primeiro ao último minuto. Gênio. Lindo. Emocionante.

E olha q eu era o principal hater lá no tópico na época do trailer. E hoje acho só eu e o Quase Nada amamos o filme aqui.

 

Sobre o Godzilla, gostei de ver q o Hessel (um dos únicos criticos brasileiros q ainda dou créditos) foi contra a maré e elogiou o filme:

http://omelete.uol.com.br/godzilla/cinema/godzilla-critica/#.U39bOJRdWp0

 

 

 

 

--------------------------------------

https://soundcloud.com/cellardoorbr

Leão da Barra
Foto de Leão da Barra

Não vou falar que gostei de Círculo de Fogo só para não dizerem que eu concordei com agraciotti.

Mas a trilha sonora dele é muito boa.

--------

Falta de Esculhambação

 

XIII
Foto de XIII

agraciotti wrote:

Foi um fiasco pq nao tinha atores famosos e pq a maioria foi INCAPAZ de sacar e apreciar as ironias, o sarcasmo, as homenagens, o humor, o sentimentalismo nostálgico e tudo o q o filme realmente é sobre. Fico puto toda vez q ouço alguem falar mal. Aquilo é o coração da infância masculina, do primeiro ao último minuto. Gênio. Lindo. Emocionante.

Qualquer um com mais de 20 anos pegou ao menos uma ou outra homenagem à televisão japonesa dos anos 80. O que talvez seja o único mérito do filme, no fim das contas o filme é falho principalmente porque não souberam aproveitar esse mérito e satirizaram demais. Veja bem, quem teve a infância com Super Sentais e Tokusatsus não leva sátiras na esportiva, tem um mercado ativo até hoje desses clássicos e o que poderia ter sido uma excelente referência acaba como um mashup de mal gosto. Hilário no pior sentido da palavra até. Incapaz parece ser você de ver o filme fora do escopo saudosista, o que eu até compartilho e entendo mas diferentemente de um sorriso no rosto me deu urticária.

Ray J
Foto de Ray J

agraciotti wrote:

Foi um fiasco pq nao tinha atores famosos e pq a maioria foi INCAPAZ de sacar e apreciar as ironias, o sarcasmo, as homenagens, o humor, o sentimentalismo nostálgico e tudo o q o filme realmente é sobre. Fico puto toda vez q ouço alguem falar mal. Aquilo é o coração da infância masculina, do primeiro ao último minuto. Gênio. Lindo. Emocionante.

E olha q eu era o principal hater lá no tópico na época do trailer. E hoje acho só eu e o Quase Nada amamos o filme aqui.

Entrei aqui só pra dizer que defendi o filme desde o primeiro trailer e considero uma pequena obra prima. Concordar com o agraciotti é uma merda, mas o filme merece esse sacrifício.

- Não temos mais armas.

- Ainda resta uma! (Aperta o botãozinho da espada)

Genial! Genial!

Saudações
Ray Jackson

Dré
Foto de Dré

Voltando ao Godzilla, que de tão bom eu tinha até esquecido que tinha assistido...

É um daqueles filmes onde é um pouco difícil apontar o que deu errado. Os personagens fracos ou as raras apariações do monstro-título talvez sejam o motivo, já que constrastam duramente com o excelente trabalho de produção - isso aqui sim é um filme de monstro, daqueles que a gente via quando era mais novo, utilizando técnicas modernas e feito com seriedade.

Seriadade que o diferencia um pouco do Círculo de Fogo. Entendo a homenagem, ironias e nostalgia que vocês apontam pra defender o filme do Del Toro, mas acho que isso se perdeu na megalomania da produção, que, talvez, tenha se levado a sério d-e-m-a-i-s. Coisa que este Godzila também faz, como já disse, mas o conteúdo que essa seriedade afeta prejudica menos o filme. Ou, vai ver, a ideia de robôs gigantes é menos crível que lagartos gigantes radioativos pra mim.

Primeiro, vamos ao que fedeu: o Godzilla aparece pouco. Até os monstrões que ele enfrenta aparecem mais. Em paralelo, os personagens não fazem jus ao elenco. Não que eu ache o Bryan Cranston um graaaande ator ( pra mim, ele sempre vai ser o pai do Malcolm antes de Walter White ), mas parar pra pensar que ele, muito em voga atualmente, além de Juliete Binoche ( numa ponta de luxo ) e Ken Watanabe, estão em um filme onde um lagarto gigante é a grande atração chega a distrair. E fazendo papéis ridículos, com a clara concepção de que o diretor pensou "foda-se o elenco, diálogos e tal, o baguio aqui é o Godzilla!". E, no saldo final, como o Godzilla aparece pouco, o negócio todo falha - não temos uma conexão com nada e você fica esperando o bicho aparecer. E só.

A parte boa: o design de produção é muito foda. O visual do lagartão ficou excelente, cheio de detalhes. A destruição da cidade ficou bacana, fazendo jus aos bons filmes catástrofes que grandes efeitos especiais conseguem produzir. O visual dos monstrões do mal poderiam ser um pouco mais detalhados, mas também entendi que foi proposital, pra destacar o pouco que o monstro-herói aparece. Tem uma cena específica, onde um trem é atacado, que ficou muito tosca - algo bem próximo da homenagem/ironia/nostalgia que vocês viram no Círculo de Fogo... tão simplória e sem efeitos que parece saída direto dos seriados de monstros antigos. Mas isso não chega a atrapalhar nem distrair.

Quando se sai de casa pra ver um filme do Godzilla é frustrante esperar algo clássico ou marcante. Se fizer jus às memórias nostálgicas, tá valendo. E, nesse sentido, esta nova versão conseguiu este último feito - infinitamente melhor do que a versão americana anterior, aliás. Mas também não faz jus aos blockbusters recentes, talvez por ter se apegado demais a ideia de que o personagem-título seria o bastante pra garantir duas horas de projeção - e talvez seria... desde que ele aparecesse mais.

agraciotti
Foto de agraciotti

Vi hoje e achei tão ruim mas TÃO ruim que chega a ser doloroso aguentar ate o fim. Se o Gareth Edwards merece algum crédito foi por ter transformado o Bryan Cranston num gif em potencial pelo overacting embaraçoso (mais que qualquer um do Nicholas Cage) e a ter convencido a Juliette Binoche a entrar nessa roubada, mesmo que por 10 minutos.

 

--------------------------------------

https://soundcloud.com/cellardoorbr

uplan
Foto de uplan

Circulo de Fogo vai ter uma serie animada e uma continuação.
http://www.youtube.com/embed/HndBiSyOrK4?

___________________________________________________________________________

não existe certo ou errado 

so existe o que você faz

agraciotti
Foto de agraciotti

uplan wrote:

Circulo de Fogo vai ter uma serie animada e uma continuação.
http://www.youtube.com/embed/HndBiSyOrK4?

vcs sabem q AMO o primeiro, mas....não consigo ver muito sentido numa sequência. Sem o frescor das paródias-homenagens, vai ser apenas mais um filme de monstro. É o mesmo q aconteceu com Tropas Estelares. 

Pelo menos espero q seja visualmente bonito como foi e com mais piadas-paródias. 

 

--------------------------------------

https://soundcloud.com/cellardoorbr

Livia
Foto de Livia

Ah, eu não achei ruim não, é um típico filme do godzilla, onde ele enfrenta outros monstros gigantes para salvar a humanidade.

A diferença é que o diretor gosta de um draminha, como ele ja havia feito em monster, tentando mostrar os seres humanos, sua reações, emoções e dramas em meio a eventos catastróficos. meio agua de arroz, mas tranquilo.

no fim divertiu, que é o que importa.

 

_ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _ _

And then there was silence...

quase nada
Foto de quase nada

Filme tacanho que tenta subverter o cinema pipoca com elementos de filme belo, mas erra desgraçadamente deixando, no fim, um gostinho de bosta no céu da boca. Ainda bem que não vi no cinema.

Nota: 4